18/02/2013

Saiba como verificar se um estabelecimento público é seguro

A tragédia na boate Kiss, em Santa Maria/RS, na qual um incêndio matou mais de 230 pessoas, levantou uma série de discussões a respeito da segurança em estabelecimentos públicos.

Em diversas cidades brasileiras, as prefeituras em parceria com o corpo de bombeiros estão vistoriando e interditando lugares que oferecem risco aos frequentadores.

Contudo, você mesmo, ao entrar em uma boate ou barzinho, pode analisar se aquele ambiente lhe oferece segurança para curtir a noite.

O primeiro item a ser observado é se o alvará de funcionamento está fixado perto da entrada ou do caixa. Esse documento emitido pela prefeitura, estado, bombeiros ou órgão específico, certifica que o estabelecimento possui permissão para atuar.

Outro elemento indispensável no local é o extintor de incêndio e a sinalização para saídas de emergência. O ideal é que as portas dessas saídas possuam também uma barra "antipânico" como sistema de abertura. Contudo, muitos locais se quer possuem essas saídas, o que dificulta a circulação, caso haja algum acidente.

O alarme de incêndio com detector de fumaça e o sprinkler (chuveiro automático) não são itens obrigatórios em todos os estados. Mas se o estabelecimento seguir as normas de segurança e ainda possuir esses equipamentos, sem dúvidas, a sua festa será muito mais tranquila.

Mais Notícias